Connect with us

Esportes

Surfe: por 2 centésimos, Deivid perde título no México para Robinson

Paulista do Guarujá deixa escapar 1º triunfo em uma etapa do circuito

Published

on

© WSL/Heff/Direitos Reservados

Dois centésimos a menos que o australiano Jack Robinson foram suficientes para tirar o título do paulista Deivid Silva, mais conhecido como DVD, no Open México (Aberto do México), última etapa da temporada 2021 do circuito mundial de surfe. O rival australiano campeão na praia de Barra de La Cruz, em Oaxaca, totalizou 15,16 (notas 6,83 + 8,33), contra 15,14 (7,27 + 7,87) do brasileiro.  Seria o primeiro título de DVD em uma etapa do mundial.

A diferença mínima, no entanto, não apaga a performance excepcional de DVD, surfista de Praia Branca, no Guarujá. Nesta manhã, ele se credenciou à final ao eliminar na semi o italiano Leonardo Fioranti, com somatória de 13,23, contra 10,90 do adversário.  Na outra semi de hoje (13), duelo da nova geração: Robinson, de 22 anos, levou a melhor sobre o catarinense Matheus Herdy, de 20, que na noite desta quinta (12) havia derrotado o atual campeão Ítalo Ferreira, ouro nos Jogos de Tóquio (Japão).

Na noite de ontem (12), DVD , de 26 anos, já tinha quebrado o favoritismo do bicampeão mundial, Gabriel Medina, ao levar a melhor sobre o conterrâneo nas últimas ondas da bateria das quartas de final, somando 15,34 contra 13,14 de Medina. 

DVD não começou bem no primeiro dia do Open México, mas se reabilitou na manhã seguinte: ficou em primeiro lugar na sua bateria, avançando com nota 10,44 para a decisão de vagas nas oitavas. Foram 11 brasileiros classificados, entre eles DVD, entre os 32 melhores que competiram para alcançar as oitavas. 

O Open México (Aberto do México) encerra a temporada 2021 do circuito mundial de surfe, após o cancelamento da etapa do Taiti (Teahuppo), em razão do estado de emergência na Polinésia Francesa, por conta do aumento de casos do novo coronavírus (covid-19). 

O Brasil terá quatro brasileiros na decisão dos campeões de 2021 no WSL Finals, entre 9 e 17 de setembro, na praia de Trestles, na Califórnia (Estados Unidos). A competição reúne os cinco melhores na temporada. No masculino, Medina, Ítalo e Filipe Toledo disputarão o título junto com o norte-americano Conner Coffin e o australiano Morgan Cibilic. 

No Finals feminino, a gaúcha Tati Weston-Webb competirá com a havaiana Carissa Moore, a francesa Johanne Defay, a australiana Sally Fitzgibbons e com a australiana Stephanie Gilmore.

Fonte:EBC

O objetivo do Leiaquibrasil é, antes de mais nada, oferecer três coisas ao leitor: informação correta, imparcialidade e compromisso com a verdade

Esportes

Anvisa paralisa jogo entre Brasil e Argentina; partida é encerrada

Quatro argentinos entraram em campo descumprindo regras sanitárias

Published

on

© REUTERS/Amanda Perobelli/Direitos Reservados

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) paralisou na tarde deste domingo (5) o jogo entre Brasil e Argentina pelas Eliminatórias da Copa do Mundo, após 5 minutos do início da partida. Posteriormente, o árbitro decidiu encerrar o jogo. A decisão de paralisar o jogo foi tomada após quatro jogadores argentinos entrarem em campo, mesmo com a determinação da agência de que teriam de cumprir isolamento no hotel para serem deportados para a Argentina.

Sem citar os nomes dos jogadores, a agência informou que os jogadores teriam descumprido as regras sanitárias brasileiras segundo as quais “viajantes estrangeiros que tenham passagem, nos últimos 14 dias, pelo Reino Unido, África do Sul, Irlanda do Norte e Índia, estão impedidos de ingressar no Brasil”. Diante da situação, há possibilidades de os jogadores serem deportados do país.

“Após reunião com as autoridades em saúde, confirmou-se, após consulta dos passaportes dos quatro jogadores envolvidos, que os atletas descumpriram regra para entrada de viajantes em solo brasileiro, prevista na Portaria Interministerial nº 655, de 2021”, informou, em nota, a Anvisa, referindo-se aos viajantes que chegaram ao Brasil em voo de Caracas/Venezuela com destino a Guarulhos.

A Anvisa informa que considera a situação “risco sanitário grave”, motivo pelo qual orientou as autoridades em saúde locais “a determinarem a imediata quarentena dos jogadores, que estão impedidos de participar de qualquer atividade e devem ser impedidos de permanecer em território brasileiro”.

Apesar das identidades não terem sido reveladas, Emiliano Martinez e Emiliano Buendia, do Aston Villa (Inglaterra), entraram em campo contra o Brentford no dia 28 de agosto, enquanto Lo Celso e  Cristian Romero, do Tottenham (Inglaterra) ficaram no banco contra Watford no dia seguinte. Os quatro declararam que não estiveram nos últimos 14 dias no Reino Unido.

O jogo estava previsto para começar às 16h na Neo Química Arena, em São Paulo pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo. O Brasil lidera a competição de forma isolada com 21 pontos.

A Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) publicou em suas redes sociais que o árbitro encerrou a partida entre Brasil e Argentina e a partida está suspensa. O árbitro e um comissário da partida levarão um relatório à Comissão Disciplinar da Fifa, que determinará quais serão os próximos passos. “Estes procedimentos seguem estritamente as regulamentações vigentes”, informou a entidade. “As Eliminatórias da Copa do Mundo são uma competição da Fifa. Todas as decisões que se tratam da sua organização e e o desenvolvimento são poderes exclusivos dessa instituição.”

Em nota, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) lamentou profundamente o ocorrido. “A CBF defende a implementação dos mais rigorosos protocolos sanitários e os cumpre na sua integralidade. Porém ressalta que ficou absolutamente surpresa com o momento em que a ação da Agência Nacional da Vigilância Sanitária ocorreu, com a partida já tendo sido iniciada, visto que a Anvisa poderia ter exercido sua atividade de forma muito mais adequada nos vários momentos e dias anteriores ao jogo.”

Na nota, a CBF informe que que em nenhum momento, o presidente interino da entidade, Ednaldo Rodrigues, ou outro dirigente da confederação, interferiu em qualquer “ponto relativo ao protocolo sanitário estabelecido pelas autoridades brasileiras para a entrada de pessoas no país”. “O papel da CBF foi sempre na tentativa de promover o entendimento entre as entidades envolvidas para que os protocolos sanitários pudessem ser cumpridos a contento e o jogo fosse realizado.”

Fonte: EBC

Continue Reading

Esportes

GP São Paulo de Fórmula 1 atualiza datas e anuncia novo lote de ingressos

Mudanças consideraram o cancelamento de outros GPs. Corridas acontecem em 12, 13 e 14 de novembro

Published

on

Foto: Valdrin Xhemaj/Reuters

A organização da Fórmula 1 atualizou as datas de realização do Grande Prêmio de São Paulo 2021, que será disputado nos dias 12, 13 e 14 de novembro de 2021 no Autódromo de Interlagos (SP), e anunciou a abertura do lote final de ingressos para a corrida.

A mudança já era aventada desde a confirmação da etapa no Brasil e, segundo o anúncio, aconteceu como consequência de alterações na fase final do Mundial. As corridas da Austrália e do Japão foram canceladas por conta da pandemia de Covid-19.

A programação da etapa brasileira começa na sexta (12), com o treino livre no período da manhã e o treino de classificação à tarde, que estabelece a ordem de largada da “sprint race”. No sábado (13) além do treino livre, haverá a “sprint”, uma corrida curta de 24 voltas que define o grid de largada para o GP do domingo (14).

A data também foi reconsiderada a pedidos do governador de São Paulo João Doria (PSDB), que, no anúncio da realização da corrida no Brasil, destacou que a realização do GP na emenda do feriado de 15 de novembro seria interessante em termos turísticos para a capital paulista.

Ingressos

Também foi anunciado um novo lote de ingressos a setores adicionais, o D e o V, a ser liberado na segunda-feira (30) a partir do meio-dia para quem se inscreveu na lista de espera. A venda para o público geral abre no dia 3 de setembro, uma sexta-feira.

Todos os ingressos adquiridos até o momento, que consideravam a data anterior de realização, permanecerão válidos. Mais informações estão disponíveis no site oficial do GP São Paulo.

Fonte:CNN

Continue Reading

Esportes

Final da Eurocopa foi um evento com alta propagação de covid-19

Partida entre Inglaterra e Itália recebeu público de 67 mil pessoas

Published

on

© Action Images via Reuters/Lee Smith/Direitos Reservados Esportes

A final da Eurocopa entre Inglaterra e Itália em julho foi um evento superdisseminador do novo coronavírus (covid-19) por causa do nível de infecção encontrado, no dia, dentro ou ao redor do Estádio de Wembley, em Londres, indicam dados oficiais publicados nesta sexta-feira (20).

O órgão de Saúde Pública da Inglaterra informou que 2.295 pessoas provavelmente estavam infectadas, com outras 3.404 pessoas potencialmente infectadas na partida de 11 de julho.

“A final da Euro foi um evento superdisseminador”, publicou o jornal Times.

A partida, com uma multidão de cerca de 67 mil pessoas dentro do estádio, foi a primeira final da Inglaterra em um torneio internacional de futebol desde que o país sediou e venceu a Copa do Mundo de 1966.

“A Euro 2020 foi uma ocasião única e é improvável que tenhamos um impacto semelhante nos casos de covid-19 em eventos futuros”, disse Jenifer Smith, vice-diretora médica da Saúde Pública da Inglaterra, em um comunicado.

“No entanto, os dados mostram como o vírus pode se espalhar facilmente quando há contato próximo e isso deve ser um alerta para todos nós, enquanto tentamos retornar à normalidade cautelosa mais uma vez”, declarou.

Outros eventos de teste ao longo de um período de quatro meses mostraram muito menos testes positivos e estiveram alinhados ou inferiores às médias nacionais.

O Grande Prêmio de Fórmula 1 em Silverstone, em julho, atraiu uma multidão de 350 mil pessoas, a maior no Reino Unido em mais de 18 meses, durante três dias e teve 585 casos registrados pelo sistema de teste e rastreamento do sistema britânico de saúde.

Edição: Fábio Lisboa

Fonte. EBC

Continue Reading

Trending